quarta-feira, 12 de julho de 2017

Review: Blind Faith (Mean Streak)

Blind Faith (Mean Streak)
(2017, Rock Of Angels Records)
(5.6/6)

Tendo tido uma estreia absolutamente fantástica com Metal Slave, os Mean Streak têm conseguido, a partir desse momento, manter-se sempre em bom nível e neste Blind Faith, que já é o seu quarto trabalho assinam uma das suas obras mais consistentes. Blood Red Sky, tema de abertura, é verdadeiramente sensacional e mostra, logo ali que os Mean Streak sabem bem como fazer do melhor metal tradicional que se faz na atualidade. Está tudo lá – desde as melodias, aos ritmos, às dinâmicas, aos arranjos, às twing guitar, às harmonias. E tudo isto acaba, também, por estar presente de forma mais ou menos evidente um pouco por todo o disco. Mas depois desta sensacional abertura, Blind Faith tem muito mais para mostrar. Por exemplo, Animal In Me, Retaliaton Call e Settle The Score mostram os Mean Streak a criarem heavy metal melódico da mais fina casta. Tear Down The Walls e Love Is A Killer (outro tema monumental!) abraçam, novamente, o heavy metal tradicional de uma forma espetacular. Come Undone é mais comedida, mais compassada e com bom trabalho de coros. Já Fire At Will é de todo inesperada pela sua potência de true power metal. Caught In The Crossfire é um tema de metal melódico e técnica, muito na linha de Ten. Para quem procura um álbum atual que respeite e venere as regras estabelecidas por coletivos como Iron Maiden, Twisted Sister e Bonfire, neste segmento do metal melódico e tradicional, pois bem, Blind Faith é uma das mais interessantes e consistentes propostas deste ano.

Tracklist:
1.      Blood Red Sky
2.      Animal In Me
3.      Retaliation Call
4.      Settle The Score
5.      Tear Down The Walls
6.      Tears Of The Blind
7.      Love Is A Killer
8.      Come Undone
9.      Fire At Will
10.  Caught In The Crossfire
11.  Gunnerside
12.  Smile Of A Clown (Japan bonus)

Line-up:
Peter Andersson – baixo
Andy LaGuerin – vocais e guitarras
Thomas “PLEC” Johansson – guitarras
Jonas Källsbäck – bateria

Internet:
Facebook   
Website    
Instagram   
Soundcloud    
Youtube    

Edição: Rock Of Angels Records    

Sem comentários: